quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Pescaria


(Aguarela, grafite, caneta caligráfica e lápis de cor)                                                                                                                                            «in situ»

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Desenhar com (III) João Ramos

A tempestade tropical Ophelia transformou-se em furacão após os ventos atingirem os 120 quilómetros por hora. Os efeitos deverão sentir-se nas ilhas de Santa Maria e São Miguel, nos Açores, apartir da tarde de sábado. Assim, adiamos por uma semana o nosso evento que ocorrerá, no mesmo horário e local, no dia 21 de outubro.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
etiquetas: 
- Encontro 27 USk PORTUGAL Açores
- Desenhar com
- João Miguel Ramos
- Açores

Querida Inês

Querida Inês, hoje celebramos a curiosidade e o entusiasmo com que participaste na fundação deste grupo e te comprometeste com a prática e a partilha do desenho. É assim, intensa e curiosa, que te recordaremos.

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Desenhar com (III)

João Miguel Ramos nasceu em São Miguel, nos Açores, em 1994. Vive e trabalha entre o Porto e os Açores. Frequentou o Curso de Pintura na Academia das Artes de Ponta Delgada (2010/2011) É licenciado em Artes plásticas – Pintura pela Faculdade de Belas artes do Porto(2016). O João Miguel expõe com regularidade e desenha frequentemente. Vamos desenhar com ele no Jardim António Borges, aparece.

Ponto de encontro:  portão sul


domingo, 1 de outubro de 2017

(a)Riscar o Património/Heritage Sketching #04

Desenhámos, picnicámos, conversámos e por mim teria ficado mais tempo, mas tinhamos o autocarro à espera de regresso à Ribeira Grande (ponto de partida). Antes das 15:00 lá estávamos todosprontos para a fotografia de grupo e embora cansados ainda houve força para muitos sorrisos. A beatriz ofereceu-nos mais referência com o trabalho de uma artista (Gabriela Albergaria) que consta na coleção do Arquipélago
O (a)Riscar em são Miguel foi marcante e julgo que foi do agrado de todos os participantes (estreantes e reincidentes) et voilá, aqui temos mais fotografias do evento, os desenhos publicarei depois.
Para o ano há mais!

(Aguarela, grafite, carimbo e lápis de cor)                                                                                                                                                 «in situ»

(a)Riscar o Património/ Heritage Sketching





(a)Riscar o Património/ Heritage Sketching





Desenhar com (II) Benedetta Dossi





(a)Riscar o Património/Heritage Sketching #02





quinta-feira, 28 de setembro de 2017

(a)Riscar o Património/Heritage Sketching #03

A Eva Lima (a nossa geóloga) e o Tiago Menezes (Biólogo) guiaram-nos e fizeram a apresentação do trilho e do vulcão fazendo referência à ultima erupção. Iniciámos a descida e foi-nos sendo apresentada a flora local. Isto de passear com gente esclarecida (e paciente) é outra coisa.

(Aguarela, grafite, carimbo, lápis de cor e caneta caligráfica)                                                       «in situ»

(a)Riscar o Património/Heritage Sketching


(a)Riscar o Património/Heritage Sketching


terça-feira, 26 de setembro de 2017

(a)Riscar o Património 2017



(a)Riscar o Património/Heritage Sketching #02

Estar dentro do vulcão tendo essa consciência é uma experiência estética incrível... levei algum tempo até conseguir fazer alguma coisa.

(Aguarela, grafite, carimbo, lápis de cor e caneta caligráfica)                                                                                «in situ»

(a)Riscar o Património/Heritage Sketching

26º Encontro USkP Açores
Quem diria que a Lagoa do Fogo se tornaria num lugar tão frequentado, com tanta gente a subir e a descer continuamente...

(a)Riscar o Património/Heritage Sketching #01

 26º Encontro USkP Açores

Quando chegámos ao início do trilho (do Vulcão do Fogo) a lagoa mal se via e parecia fazer jus ao alerta amarelo recentemente anunciado. Pouco tempo depois o sol mostrou-se e o risco de chuva tinha desaparecido, senti-me uma anfitriã especial por ser uma grande sortuda.

A última vez que desci à lagoa do Fogo pareceu-me muito mais suave e fácil. Os degraus - atualmente - existentes têm um espelho muito alto o que obriga a um esforço razoável na descida e maior ainda na subida.

(Aguarela, grafite, carimbo, lápis de cor e caneta caligráfica)                                                         «in situ»